Programa que visa estruturar e traçar estratégias e políticas no âmbito da Associação Médicos do Mundo para suprir a demanda de atendimento em saúde de moradores de rua e desabrigados, focada na educação, prevenção, promoção da saúde e atenção primária. Serão realizadas atividades de triagem, avaliações médicas e quando necessária a prescrição de tratamento médico e encaminhamentos.
O projeto conta sempre com a presença de um médico coordenador e tutor e de profissionais de saúde de outras áreas, além de estudantes de saúde com a supervisão de um tutor em sua respectiva área.

Programa que visa estruturar e traçar estratégias e políticas no âmbito da Associação Médicos do Mundo para suprir a demanda de medicamentos destinados às ações realizadas pelos Médicos de Rua, à pessoas em situação de rua, moradores de rua, desabrigados, imigrantes e refugiados. É focada na dispensação de medicamentos e atenção farmacêutica, bem como na promoção da orientação e educação do uso racional de medicamentos. Quando não houver a possibilidade de dispensar o medicamento necessário, serão encaminhamentos para órgãos públicos que realizem a dispensação de medicamentos como Postos de Saúde, Farmácia Popular, entre outros.
O projeto contará sempre com a presença de um farmacêutico coordenador e tutor, além de estudantes de farmácia com a supervisão de um tutor em sua respectiva área.

Programa que visa estruturar e traçar estratégias e políticas no âmbito da Associação Médicos do Mundo para suprir a demanda de atendimento em saúde de mulheres carentes, em situação de rua, desabrigadas, hospitalizadas ou vítimas de violência sexual e abandono. Será focada em educação, prevenção, promoção da saúde e atenção primária em saúde da mulher. Serão realizadas atividades de triagem, avaliações médicas e quando necessária a prescrição de tratamento médico e encaminhamentos. Além disso, serão realizados programas sociais de planejamento familiar e sexualidade feminina, bem como acolhimento de mulheres vítimas de violência sexual. Será também mantido um núcleo de orientações para prevenir abortos evitáveis.
O projeto contará sempre com a presença de um médico coordenador e tutor e poderá contar com a presença de profissionais de saúde de outras áreas, além de estudantes de saúde com a supervisão de um tutor em sua respectiva área.

O projeto mentes de rua tem como objetivo levar as práticas de saúde mental as pessoas em situação de venerabilidade, oferecendo o serviço de atenção integral e visando o bem estar. Como proposta realizamos acolhimento, escuta, orientação e o encaminhamento para as redes de atenção especializadas.

O grupo é composto por uma equipe multidisciplinar como psicólogos, psiquiatras, Ats e músicos terapeutas. Esses serviços são oferecidos a pessoas em situação de rua, abrange atendimentos em grupos e individuais com crianças, adultos e idosos.

Programa que visa estruturar e traçar estratégias e políticas no âmbito da Associação Médicos do Mundo para suprir a demanda de atendimento em saúde em animais em situação de rua ou vítimas de violência sexual e abandono. Será focada em educação, prevenção, promoção da saúde e atenção primária à animais em situação de rua. Serão realizadas atividades de triagem, avaliações médicas e quando necessária a prescrição de tratamento médico e encaminhamentos.
O projeto contará sempre com a presença de um médico coordenador e tutor e poderá contar com a presença de profissionais de saúde de outras áreas, além de estudantes de saúde com a supervisão de um tutor em sua respectiva área.

O Atendimento odontológico de rua trabalha com a solidariedade e a percepção psicossocial. O cuidado humanizado considera a história de vida, sentimento e emoção do outro, dando-lhe apoio na busca da solução do problema, exigindo do profissional á valorização da escuta, acolhimento e construção de vínculo. Alterações dentárias podem causar impacto na qualidade de vida de forma psicológica e fisiológica.

As alterações dentárias que comprometam a harmonia bucal do paciente sobre sua imagem social, mudar suas relações interpessoais, causando transtornos em seus padrões de auto aceitação e autoimagem, com reflexo sobre sua autoestima. Assim a atuação odontológica oscila no equilibro entre a habilidade técnica e a visão humanista da promoção de saúde.

A atuação do cirurgião-dentista na rua estará inserida em um contexto multidisciplinar, requerendo profissional e equipe capacitada. Se possível, deve dispor de unidade de atendimento portátil, instrumentais e materiais de consumo e sempre atento a normatização sanitária. A odontologia feita na rua é capaz de oferecer conforto, bem-estar e melhorar a qualidade de vida dos pacientes que necessitam deste serviço de saúde.

Programa que visa estruturar e traçar estratégias e políticas no âmbito da Associação Médicos do Mundo para suprir a demanda de atendimento em saúde de crianças em situação de rua, desabrigadas, hospitalizadas, focada na educação, prevenção, promoção da saúde e atenção primária em saúde infantil. Serão realizadas atividades de triagem, avaliações médicas e quando necessária a prescrição de tratamento médico e encaminhamentos. Além disso programas sociais com entregas de brinquedos, doces e roupas para crianças hospitalizadas, em creches, abrigos, fundação casa e em situação de rua.
O projeto contará sempre com a presença de um médico coordenador e tutor e poderá contar com a presença de profissionais de saúde de outras áreas, além de estudantes de saúde com a supervisão de um tutor em sua respectiva área.
O projeto inicialmente terá como coordenador médico o professor Mário Vicente Campos Guimarães, RG 11343104, CRM-SP 126076. Em demais localidades será nomeado um médico coordenador com registro no conselho regional de medicina na unidade federativa responsável pela região onde será realizado o atendiment

Os enfermeiros de rua é um projeto que visa levar atendimento de forma integrada as pessoas que se encontram em estado de vulnerabilidade, aberto para profissionais e estudantes tanto graduação quanto auxiliar e técnico de enfermagem, tem como prática a aferição de sinais vitais, realização de curativos, realização de teste de glicemia capilar, promoção de saúde e é claro aquele acolhimento com muito amor e carinho.

O projeto justiça de rua é mantido pela Associação Médicos do Mundo e visa estruturar estratégias e políticas para suprir a demanda dos atendimentos relacionados aos direitos das pessoas atendidas pelos demais projetos da Associação Médicos do Mundo. Focado na dignidade da pessoa humana, orienta e encaminha os assistidos aos órgãos competentes para solução dos problemas apresentados aos profissionais do direito. O projeto conta sempre com a supervisão de um profissional do direito que orienta os acadêmicos de forma a fomentar a ideia de humanização da relação entre profissional e cliente.

A Reabilitação de Rua, tem como objetivo proporcionar saúde e qualidade de vida aos nossos pacientes, restabelecendo deficiências transitórias ou definitivas do aparelho locomotor, bem como a prevenção e orientação de agravos à saúde em todos os níveis de atenção.

Fisioterapeutas e quiropraxistas realizam exercícios respiratórios, inalação além de educação, prevenção e promoção da saúde .

Programa que visa estruturar e traçar estratégias e políticas no âmbito da Associação Médicos do Mundo para suprir a demanda de atendimento nutricional de a pessoas em situação de rua, moradores, desabrigado, imigrantes ou refugiados. A ação nutricional está focada no diagnóstico e acompanhamento do risco nutricional, atuação em sua prevenção com ações de orientação nutricional e distribuição de alimentos.

O projeto contará sempre com a presença de um nutricionista coordenador e tutor, além de profissionais da área saúde e correlatas, adicionamento haverá o apoio e orientação de estudantes da área da saúde com a supervisão de um tutor em sua respectiva área.

Biomédicos, bioquímicos e farmacêuticos realizam testes rápidos de Sífilis, HIV, Hepatite. Exames de laboratório em parceria com laboratórios de análises clínicas.

Orientação e encaminhamento ao Centro de Referência e Treinamento DST/AIDS e aos serviços de assistência especializada – SAEs.

Focado em saúde social e assistência social. Conta com assistentes sociais voluntários.

Atendimentos a regiões sertanejas, ribeirinhas, indígenas, amazônica, pantaneiras, onde a população não tem acesso à saúde.

Auxilia cidades que sofreram com catástrofes naturais como por exemplo, Brumadinho

Atendimentos em Moçambique e Angola em regiões urbanas, rurais e florestais (ações semelhantes às realizadas no Brasil).

Programa que visa estruturar e traçar estratégias e políticas no âmbito da Associação Médicos do Mundo para suprir a demanda de atendimento em saúde de imigrantes, refugiados, pessoas que vivem em países em conflito, situação de calamidade e países africanos. Será focada em educação, prevenção promoção da saúde e atenção primária à animais em situação de rua.

Serão realizadas atividades de triagem, avaliações médicas e quando necessária a prescrição de tratamento médico e encaminhamentos.

Este projeto terá início em 2020

Projeto focado em atendimentos que visam a promoção do bem-estar, através do corte de cabelos, hidratação facial e quiral.

Entrega Kits de higiene pessoal, (sabonete, escova dental, creme dental, pente, absorvente e aparelho de barbear (dependendo do gênero) e papel higiênico.

Dedica-se a acolher imigrantes, estrangeiros em situação de risco social em território nacional ou internacional.

Voluntários de qualquer área, auxiliam o trabalho de acolhimento, humanização, música, distribuição de alimentos e peças de vestuário, organização, logística e apoio.

AIzaSyA-aA22lhsvvWyHX3dUPx0ljW1McM2Tka0